16 de setembro de 2012

Esperando

por aquelas palavras que você nunca dirá. Esperando pelo momento que nunca acontecerá. Esperando que você conserte o que não há conserto. Quebrando meu coração aos poucos, e eu mal posso parar. Escrevo uma ilusão, e leio-a todos os dias. Tudo o que eu vejo, tudo o que eu toco só se torna real quando fecho meus olhos. Então posso sentir o que você nunca sentiu por mim. Posso ouvir seus passos, mesmo sabendo que o veneno virá a seguir. Eu não estou fugindo. Eu só não quero estar lá para escutar você dizendo que é o fim. Que a culpa foi minha. Que era para ser eu. Eu sei que um dia você passará a escutar, a sentir e a ver também. Que tudo o que eu queria era amor. Amor de verdade, que resistisse. E não suas palavras borradas que insiste em escrever no meu coração.


Kamilla de Muinck.

9 de setembro de 2012

Little Bit.

"Mãos abaixadas, eu sou muito orgulhosa para o amor. Mas com os olhos fechados, é em você que eu estou pensando. Mas como nós passamos de A para B? Isso não depende de mim, porque você não sabe. Olho no olho, coxa com coxa, eu deixo ir. Acho que estou um pouco, um pouco, um pouco apaixonada por você. Mas somente se você estiver um pouco, um pouco, um pouco apaixonado por mim. E por você eu mantenho minhas pernas separadas e esqueço do meu coração estragado. E eu nunca vou ser a primeira a dizer isto, mas ainda assim eu, sim, você sabe que eu... eu... eu... eu faria isso, apertar o botão, puxar o gatilho, subir uma montanha, pular de um precipício. Porque você sabe baby, eu amo você, amo você um pouco. Eu faria isto, eu diria isto. Eu queria dizer isto, nós poderíamos fazer isto, seria você e eu, e se eu apenas... Venha aqui, fique comigo, afague meus cabelos. Porque eu daria qualquer coisa, qualquer coisa, pra ter você como meu homem."
Little Bit, Lykke Li.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...