14 de agosto de 2011

E se você quiser,


saber quem eu sou, terá de caminhar comigo e ver através de mim tudo o que eu deixei para trás junto com minhas pegadas. Não foi fácil, eu tenho as cicatrizes para me lembrar até onde devo ir. Mas de vez em quando eu irei ignorá-las e arriscar mais uma vez, porque eu só consigo viver desse jeito, arriscando minhas chances, apostando minhas fichas em algo que eu já sei o final da história. Mas se não houver lágrimas, qual será o sentido de se ter isso sem intensidade? Se quiser saber quem eu sou, então terá de aprender que algumas coisas eu simplesmente não ouço. Eu sei exatamente como é não conseguir dormir quando o que eu mais quero é esquecer. Então, se quiser saber quem eu sou terá que decifrar muito mais do que as linhas que carrego nas mãos. Terá que ler a minha alma e entender a razão pela qual digo essas palavras: Não tente me salvar, eu não estou perdida. Eu sei exatamente o que quero, a questão é se você sabe como irá me dar o que eu preciso.



Kamilla de Muinck.





2 comentários:

  1. Perfeito...
    de uma pessoalidade incontestável. Você em poucas palavras deixou claro que as regras do "jogo" são feitas por você mesma. Lindo!
    Demonstra um carisma e uma segurança incomum.
    Parabéns!!!

    http://lapsosdeumamentebipolar.blogspot.com/2011/08/e-eu-com-isso.html

    ResponderExcluir
  2. que lindo *o* adoro ler textos e me identificar com eles :D:D
    seguindo :D
    www.docesensations.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...