14 de outubro de 2010

Há horas,



em que o meu doce se torna amargo,      
         o meu claro se torna escuro,

meu entusiasmo se torna decepção,


                                                     minhas cores se tornam um borrão,

meu sorriso se torna lágrima,

                                minha simpatia se torna frustração.


Não tente me dizer que eu poderia ser melhor do que já está. Não me dê aqueles conselhos e frases feitas para minhas respostas. Não pegue na minha mão para tentar mostrar que se importa.
Essa sou eu e não escondo isso. Eu quero palavras sinceras, um "não sei" verdadeiro, um beijo com emoção.
Eu quero brigas que durem semanas e não dêem em nada, quero noites mal-dormidas consoladas pela melhor amiga, quero um convite para ver o por-do-sol da pessoa que eu amo, quero uma margarida roubada do jardim de alguém, quero um "eu estou aqui" quando eu choro ao invés de "vai ficar tudo bem".

 Eu quero viver, com letras maiúsculas,

V-I-V-E-R.







Kamilla de Muinck.

4 comentários:

  1. Um inicio concreto para ''quereres'' tão abstratos...
    Lindo...

    Abraço querida...

    ResponderExcluir
  2. Você melhora cada vez mais. Minha poetisa s2

    ResponderExcluir
  3. adorei o txt e amo o blog *-* dá uma visitinha no meu > http://heartdreamer-ap.blogspot.com/ Beijos Kamilla ;*

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...