30 de setembro de 2010

"I know my mother,

she always told me, the road would get cold.

I never listened, always forget the way back home."



(eu sei, minha mãe, ela sempre me disse, a estrada seria fria. Eu nunca ouvi, sempre me esqueço o caminho de volta para casa).

Way Back Home, The Wreckers.




E se eu pudesse escolher,

qualquer palavra para segui-la, eu diria - liberdade. Não para ser livre e sem regras, mas para ter o direito de escolha à elas.



Kamilla de Muinck.

26 de setembro de 2010

Ainda há,

muita coisa que por mais que eu tente, não consigo enxergar. Meus olhos não conseguem a fé suficiente. Do mesmo modo que há coisas que apenas minha alma vê, enquanto os outros ainda continuam cegos e me consideram louca. O que eu consigo ver, pertence a algo muito intímo, escondido, enterrado dentro de mim. Me chamem de doida ou do que quiserem. Aquilo em que se acredita é aquilo que você vê. Essa é minha loucura, é minha crença, é meu mundo ou como quiserem denominar.


Kamilla de Muinck.

23 de setembro de 2010

Você cai,

e não tem a menor chance de se recuperar. Tem que seguir em frente, sem olhar para trás ou pensar no passado. Esconda as lágrimas. Não deixe transparecer sua tristeza. Pessoas não gostam de gente triste, isso não atrai. Só de um sorriso falso e finja que está tudo bem. Mesmo que tudo dentro de você grite que não está.

A vida às vezes é desumana. Como todo ser humano está cada vez mais se tornando.

E isso me dá raiva.



Kamilla de Muinck.

16 de setembro de 2010

"A woman needs,

 to believe, she can make her mind up on her own.
A woman needs a few second chances,

Sweet romancin',


A little room for dancin', all night long."



A Woman Needs, Jessica Harp.





12 de setembro de 2010

A minha porta.


Às vezes eu queria que houvesse uma porta que eu pudesse abrir sempre que o mundo desabasse em mim, sempre que eu me sentisse frustrada, sempre que não quisesse ver ninguém. Me isolar. Restaurar minha paz. Há momentos em que as pessoas ao seu redor só pensam em sugar de você. E aí você percebe que nada é verdadeiro, tudo é suportado, tolerado, nada é afetivo, tudo é superficial e artificial demais. Eu queria, mesmo sabendo que uma hora eu teria de enfrentar isso tudo, ter uma porta, ou portal, ou até mesmo um lugar, para onde eu pudesse ficar lá e esquecer de tudo o que me deixa pesada. Me sentir leve, apenas deixando que minha mente flutuasse e meu corpo descansasse. Apenas sentir que nada poderia atrapalhar meu estado de aquietação, nada poderia me magoar, nada poderia me alcançar ou me ferir. Eu estaria segura. Pois somente eu teria a chave para essa porta. A minha porta.

Kamilla de Muinck.

E ainda,

que você tenha tudo o que você sempre quis ao seu redor, apenas esperando por você, nada se concretizará se você não der o primeiro passo. Pois de dez passos, quando você dá o primeiro, os nove vem de econtro a você. A vida é feita de tentativas. Algumas frustadas, outras conseguidas. Mas o fato de você tentar, por si só, já é um passo dado.


Kamilla de Muinck.

9 de setembro de 2010

Eu tenho o dom,

ou a maldição,

de às vezes me desligar e não ouvir o que os outros estão falando. 



E tenho que confessar - tem sido bem mais fácil assim.



Kamilla de Muinck.

5 de setembro de 2010

Mine.

Taylor Swift sempre faz músicas fofas. Mas essa me emocionou bastante. O jeito com que ela consegue descrever como tudo acontece tão real é incrível! Segue a letra e o vídeo de Mine:

"Você estava na faculdade, trabalhando meio período servindo mesas; Deixou a cidade pequena, nunca olhou para trás. Eu tinha mania de fugir por ter medo de cair, Me perguntava por que é que nós damos uma chance ao amor se ele nunca dura... Eu digo "você acredita nisso?" enquanto estamos deitados no sofá, naquele momento eu consigo ver, sim, sim, agora eu consigo ver. Você se lembra, nós estávamos sentados à beira d'água, você colocou seu braço ao meu redor pela primeira vez. Você fez a filha cuidadosa do homem descuidado virar uma rebelde, você é a melhor coisa que já foi minha. Avançamos no tempo e temos conquistado o mundo juntos, e há uma gaveta com as minhas coisas na sua casa. Você aprendeu meus segredos e descobriu porque eu sou tão cautelosa, você diz que nós nunca vamos cometer os erros dos meus pais. Mas nós temos contas pra pagar, não temos nada decidido. Quando estava difícil de aguentar, sim, era nisso que eu pensava. Você se lembra, nós estávamos sentados à beira d'água, você colocou seu braço ao meu redor pela primeira vez. Você fez a filha cuidadosa do homem descuidado virar uma rebelde, você é a melhor coisa que já foi minha. Você se lembra de todas as luzes da cidade na água, você me viu começar a acreditar pela primeira vez. Você fez a filha cuidadosa do homem descuidado virar uma rebelde, você é a melhor coisa que já foi minha. E eu me lembro daquela briga às duas e meia da manhã, porque estava tudo escorregando das minhas mãos.Eu saí correndo, chorando, e você me seguiu até a rua. Me preparei para o adeus, porque isso era tudo o que eu havia conhecido, e você me pegou de surpresa, você me disse ''eu nunca vou te deixar sozinha''. Você disse: ''Eu me lembro de como nos sentimos sentados à beira d'água, e toda vez que eu olho pra você é como se fosse a primeira vez. Eu me apaixonei pela filha cuidadosa do homem descuidado, ela é a melhor coisa que já foi minha''. Segure-se, faça isso durar. Segure-se, nunca volte para trás. Você fez a filha cuidadosa do homem descuidado virar uma rebelde, Você é a melhor coisa que já foi minha. Você acredita? Nós vamos fazer isso agora. E eu posso ver isso, e eu posso ver isso agora."




Mine, Taylor Swift.

1 de setembro de 2010

E eu,


ainda continuo tentando decifrar o que eu tenho dentro de mim que me aperta tanto e me faz querer gritar. Porque não consigo sucumbir a tudo isso e aceitar. É como se algo em mim estivesse errado. Do lado contrário, na direção errada. Talvez eu devesse deixar de levar tudo a risca. De tentar ser ao máximo. Machuca ninguém compreender o que você quer, o que você realmente deseja; conseguir ver através de seus olhos. Talvez devesse me agarrar aos detalhes, tentar algo novo, tentar decifrar esse novo símbolo que está se alojando em mim.


Kamilla de Muinck.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...