1 de julho de 2010

Não serei manipulada.

Bem você terá de aprender uma coisa: eu tenho um jeito de ser. Eu não hesito em deixar cada minuncioso detalhe da minha personalidade bem transparente. Eu falo o que eu penso, não tenho medo de esconder minha opinião, não vou agradar-lhe dizendo que gosto do que você faz quando na verdade eu não gosto. Não vou esconder meus momentos de falar sem parar para respirar, de rir até ficar sem fôlego, meus momentos infantis e meus momentos maduros. E você pode falar o que quiser. Não vou fingir amizade se eu acabei de te conhecer. Não vou puxar assunto se eu não tenho nada a dizer. O que você pensa sobre mim não me diz me respeito. E algumas pessoas vão me olhar, algumas vão rir de mim, algumas vão dizer vários conceitos pré-definidos. Algumas pessoas vão me conhecer e querer vomitar, não vão me entender, ou o que quer que seja. Não posso controlar seu jeito de ver e de me interpretar. Não posso lhe forçar a me conhecer melhor. Não vou esconder meus gostos, não posso extinguir minha essência. Não vou ser politicamente correta, quando o que eu mais quero e correr e gritar, e tentar esquecer que o mundo está girando. Não posso negar quem eu sou, lamento se o meu eu lhe incomoda.


Que me olhem, que falem, que pensem o que quiserem. Minha existência não depende de opiniões de outras pessoas. Só depende de mim e da importância que dou a elas.


Kamilla de Muinck.

2 comentários:

  1. "Não vou esconder meus momentos de falar sem parar para respirar, de rir até ficar sem fôlego, meus momentos infantis e meus momentos maduros. E você pode falar o que quiser." +1

    - seus textos estão cada vez melhor amiga *_*

    ResponderExcluir
  2. Obrigada amigaaa, quando tenho inspiração até que não fica tão ruim, haha (:

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...